sábado, 19 de dezembro de 2015

Alguma Psicologia por trás do Minecraft

Hoje decidi realizar uma reflexão sobre um jogo em especifico, sendo este um dos jogos que de momento mais sucesso tem entre a população mais nova: O Minecraft.

Para quem não sabe, o Minecraft é um videojogo com gráficos vintage que pode ser jogado em várias plataformas desde computadores (a mais habitual), consolas e tablets. Neste os jogadores estão inseridos num Mundo virtual, no qual podem estar com outros amigos. Este Mundo é totalmente alterável por eles, já que existe a possibilidade de apanhar materiais, e posteriormente construir infra-estruturas, quintas, criar animais, etc. Além disso o Minecraft viabiliza ainda vários modos de jogo interactivos e sociais como o "Capture the flag", jogo das Escondidas, "Last man standing", entre outros, todos jogados em conjunto com outras pessoas.

Quis então reflectir com vocês quais poderiam ser os benefícios deste videojogo para uma criança, sendo que irei sinteticamente referir alguns. Realço no entanto que tudo aquilo que é realizado em excesso torna-se disruptivo, sendo que, como qualquer brinquedo ou actividade, esta deve ser sempre realizada num tempo e modo equilibrados.

Criatividade, Imaginação e Aprendizagem


O ser humano tem desde início uma capacidade imaginativa enorme, tendo esta uma componente fundamental no desenvolvimento. A imaginação ajuda-nos a estimular a grande capacidade de aprender. Uma criança que seja estimulada a pensar/imaginar/criar por si mesma, terá muito maior capacidade de aprendizagem e resolução de problemas do que uma criança que aprende de um modo passivo não sendo estimulada a pensar (ex. apenas passando informação do quadro). Sendo assim, qualquer actividade que estimule a criatividade, é uma actividade que aumenta a capacidade da criança aprender e interagir melhor no Mundo à sua volta. Deste modo o Minecraft sendo um jogo criativo e de construção, auxilia a criança no seu desenvolvimento cognitivo e de aprendizagem, nomeadamente em capacidades visuo-espaciais e lógicas.

A auto-expressão pode também ser um meio de projecção de situações emocionais dolorosas (assim como não dolorosas), sendo que estas ao serem expressas poderão aliviar a dor que o sujeito sente, ou até dar a entender o seu sofrimento aos que o rodeiam. Tal pode ser verificado muitas vezes nos desenhos que as crianças realizam ou até nas construções artísticas que estas fazem. Deste modo, o Minecraft sendo uma via criativa de construção, poderá também ser um meio de projecção dessas emoções, podendo até aliviar alguma tensão emocional que a criança/jovem possa viver.

Capacidade de Individualização e Vivência da realidade


No modelo de jogabilidade mais habitual do Minecraft o personagem que representa o jogador tem de ser alimentado e tem de se proteger do ambiente à volta, construindo a sua habitação e gerindo  os recursos que vai apanhando. Este tem de caçar/plantar a sua própria comida, apanhar pedra/madeira para realizar construções, etc. Deste modo, este é um jogo que comporta valores essenciais para o desenvolvimento da vida adulta.

Numa sociedade cada vez mais capitalista, onde tudo está acessível facilmente, a importância de demonstrar o valor dos recursos e bens às crianças torna-se fundamental, podendo o Minecraft  além da sua componente lúdica ter também uma função de demonstração disso mesmo. A criança/jovem é forçada no jogo a ter de se esforçar para obter os recursos e construir aquilo que deseja, algo semelhante ao que na vida adulta é realizado. Tal demonstra ao jovem que realmente tudo o que se obtém na vida real requer esforço, dedicação e estratégias de resolução de problemas, aprendizagem esta fundamental na presente sociedade que vivemos.

Socialização e Trabalho de Equipa


Apesar do Minecraft ser um jogo que pode ser jogado de modo solitário, quando este é jogado em conjunto com outras pessoas, torna-se uma grande ferramenta de trabalho de equipa e socialização. No jogo existem monstros que ameaçam de modo constante destruir as construções dos jogadores, assim como podem existir outros jogadores que querem destruir o trabalho realizado por outros ou até roubar recursos. Sendo assim, a gestão de confiança das relações no jogo, a capacidade de comunicação, a gestão de conflitos, a capacidade de negociação, o trabalho de cooperação são tudo capacidades trabalhadas neste jogo, capacidades estas essenciais para uma vida social saudável.



Concluindo, realmente considero o Minecraft um jogo positivo a vários níveis no que toca ao desenvolvimento e componente lúdica. Porém realço novamente a necessidade de existir equilíbrio no tempo de jogo, nunca descurando a 'vida real' e necessidades básicas. Haverá sempre o tempo para brincar e o tempo para as responsabilidades, no entanto se brincando podemos aprender e tornarmo-nos melhores, porque não?

Website do Jogo: https://minecraft.net/


Sem comentários:

Enviar um comentário